Série Amor proibido

por Simon-Poeta

I Antologia "Whisky, Charuto e Poesia"

Clique na imagem e marque presença!

Portal Poesia é Vida

Clique na imagem e visite nosso portal: "um lugar íntegro, pra quem é bem informado."

APP Poesia é Vida

Clique na imagem para baixar gratuitamente nosso APP para dispositivo móvel.

Biblioteca Poesia é Vida

Clique na imagem para receber nossas indicações de leitura.

quinta-feira, 29 de maio de 2014

O mau da ganância

Ter, querer ou até mesmo possuir dinheiro é bom, quando se há um limite!
Quando esquecemos a barreira que nos impede de fazermos o errado, ai sim, o fato de querer, querer e somente querer o dinheiro e chegar ao ponto de ultrapassar os limites da decência, da ética, dos valores e da sanidade, é que vira ganância.
Um mau que cega a quem o abraça. Um mau que perturba muitos que se enganam neste mundo. Um mau que está destruindo junto a outros males, nossa sociedade. Um mau que devemos vencer!


Cássia Torres - 29/05/2014

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada





é lindo ouvir um eu te amo
é maravilhoso ouvir um não vivo sem você
é fascinante ouvir quero você p o resto dos meus dias
realmente tudo isso é lindo e belo
mas se não tiver uma atitude
uma procura
uma luta
até mesmo uma espera
um desejo real de q realmente é isso q quer
de nada valem as palavras
o amor é feito de atitudes
palavras se perdem
papéis são rasgados
mas sentimentos permanecem
as batalhas p se chegar a tudo isso
são longas
paciência e perseverança contam e muito
na cama tb tudo conta
de q vale tudo isso
e viver como irmãos
sexo não é tudo
mas se não tiver compatibilidade na cama
melhor desistir e procurar outra pessoa
sexo e amor caminham de mãos dadas
na falta de um
nada disso vale a pena
fica a dica.....



Sônia PC

terça-feira, 27 de maio de 2014

Sonhadora apaixonada




Não existem contos de fadas
                                      Não existem príncipes nem princesas
Ninguém é perfeito,
Mas existem amores e desamores
Existem damas e "vagabundos"
Existem lobos e lobas
Procure o que te faz feliz
Aquele que te faz sorrir
Mesmo na imperfeição
Todos somos perfeitos para  alguém
Sempre existe alguém q nos completa
no coração
na cama
na vida
O prazer não tem a ver com aquele "gato"
Com corpo sarado e lindo
Tem a ver com a química
Quando dois corpos se unem
Não existe beleza
Apenas um tesão
Que nos fascina e nos faz delirar
Mesmo nada sendo perfeito

Com uma perfeição deliciosa...



Sônia PC

Retrato do Mundo


ACREDITE EM MIM: Alguém disse que amou!
Alguém declarou seu amor por outra pessoa...
É verdade, não minto, nem sequer menti.
Alguém disse que amou uma pessoa;
Mas o mais incrível, ainda está por vir:
Ela se disse errante e carnal
Também disse que cumprimenta as pessoas
Quando as vê na rua.

Quando alguém passa por nós,
Abaixamos a cabeça
E fingimos que ninguém passou,
nem sequer o vento.
Quando alguém nos cumprimenta,
Olhamos assustados
E pensamos: — O que este infame pensa que está fazendo?
— E não o cumprimentamos de volta.

Nós, que desacreditamos em tudo
Até na própria vida,
Vamos acreditar que alguém,
nos tempos de hoje,
Declarou seu amor por todas as pessoas?

"Ah! É tão inútil se iludir..."
— Diz-me assim.
Mas não, não me iludo
Digo a verdade.
Alguém declarou seu amor por todas as pessoas.
Sei que é praticamente impossível de se acreditar,
Mas é verdade.
Acredite em mim (acredite, por favor, acredite em mim)
Podes acreditar no que eu disse.
Acredite!... Não se quiser, mas se sua consciência deixar.

Alguém disse que ama a todos...
Até (principalmente) aos que lhe fazem mal.
É verdade, juro que, neste mundo imbecil
Onde tantos ladrões roubam dinheiro de joias
Alguém declarou seu amor
Alguém disse que ama.

Nós, todas as vezes inutilmente desumanos,
Nos endeusamos
E dizemos que não erramos.

Quando olhamos o erro de alguém
que confessa que errou,
Tomamos liberdade de falar mal destas.
Isso não é desumanidade,
O endeusamento de tudo que é errante,
A purificação indevida do que se é pecaminoso,
A divindade mal colocada e servida, do que fazem de errado.

A pessoa que se declarou
Vive em um mundo onde ninguém pode falar;
Ninguém pode ouvir;
Ninguém pode chorar;
Ninguém pode sorrir.
Não existe alguém que sinta dor
Pois todos se endeusam
E dizem que não erram.
Apenas a pessoa que se declarou
Soube o que é ser humano...
Apenas ela, soube o que é viver fora desse mundo de censuras
Onde ninguém vê
Ninguém fala
E ninguém ouve.
Este mundo se chama Terra.

Borba Figueiras — alter ego de Simon-Poeta

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Canção do augusto amor

Amo-te, oh carne quente,
de sangue rubro.
Amo-te face resplandecente
das rosas de outubro.

Amo-te doce almíscar
cândido e enlevado.
Amo teu coruscar,
de sabor adocicado.

Amo a tua vontade
desmedida,
como amo minha verdade...

Amo-te sem maldade,
liberdade aguerrida
na tua insana bondade.

Sonhadora Apaixonada


anoitece

e como todas as noites
me deito e fico a pensar em ti
lembrando de nossos beijos
imaginando seu corpo colado ao meu
sentindo seu calor e seu toque
anoitece 
e me pergunto 
o que estará fazendo
aí me vem a lembrança
dos nossos suores
onde nos amamos com tanta intensidade
onde não podemos perder tempo
arrancamos nossas roupas
e mergulhamos no mais puro prazer
anoitece
e não consigo dormir
porque sinto sua respiração
ofegante no meu pescoço
invadindo minha alma
me levando ao mais puro tesão
a loucura toma conta do meu ser
meu corpo todo se estremece em suas mãos
perco o juízo
e sinto tudo de mais belo e sexy que existe entre nós
anoitece
e não quero que o dia venha
só para ter a sensação
de mais uma vez
poder estar nos seus braços...

Sônia PC

Sonhadora Apaixonada


meu corpo nu envolvido no seu abraço

meus desejos passeando pela minha mente
meu tesão á flor da pele
nossos corações batendo no mesmo ritmo
silêncio absoluto
onde só ouvimos o som do amor
da sintonia dos nossos corpos
agarrados um ao outro
como se fôssemos um só
mãos escorregando pelos suores do nosso amor
do nosso desejo impaciente
nossas bocas não se desgrudam
até que resta uma gota do nosso mel
estamos sedentos por isso
não temos tempo a perder
nosso é tempo é curto
e nosso tesão longo
nossas carícias profundas
corremos contra o tempo
lutamos contra tudo
mas nada é mais perfeito
que nossos corpos colados
nesse extremo abraço
onde nossos corações batem
num único ritmo...

Sônia PC

Sonhadora Apaixonada


nossos corpos se encaixam perfeitamente

nossas bocas unidas são mais que deliciosas juntas
sentimentos
desejos
prazer
tesão
uma mistura quente
algumas vezes explosivas
muitas vezes incandescentes
nada nos abala
e tudo nos move
corações acelerados
desejos aflorados
bocas que se procuram
corpos que se encontram
e nessa magia
vamos seguindo
nos amando
e fazendo o que mais gostamos
um sexo selvagem
com muito amor e carinho...

Sônia PC

Sonhadora Apaixonada



como posso dizer que não te amo?
como posso dizer que não te quero?
como posso dizer que não sinto seu cheiro?
como posso dizer que não sinto seu gosto?
tudo está interligado
tudo está no nosso corpo
tudo está em nossa alma
tudo é perfeito entre nós
nosso encaixe
nossos corpos colados um ao outro
nossa mistura insana
nosso desejo sacana
nosso tesão delirante
tudo misturado
entre o sexo e o amor
nada mais que perfeito
nossas bocas bebendo o mesmo mel
provocando arrepios de prazer
nos levando ao mesmo tempo
a uma deliciosa explosão química...

Sônia PC

domingo, 25 de maio de 2014

Dor

Pesaroso eu piso
No décimo andar
Meus passos são poças de sangue
Meu sangue sai sem se explicar.

Prestem muita atenção:
Não me injuriem assim...
Não vou limpar meu sangue
Pois não é meu
Apenas faz parte de mim!

O carpete já é vermelho
Velho é o meu sapato
Um salto baixo, grosso
Chamo-o de amor:
Quanto mais se pisa,
Menor fica.

Não me atazanem pelas poças de sangue
Não me façam perder a paciência
Qualquer dia desses, tiro de mim a ciência
E ponho-me a gritar.
Da minha goela jorra um fluido ácido
E este pode te matar
A dor é a marca da morte;
Minha marca é o sangue:
Prazer, me chamo dor.


Simon-Poeta

sábado, 24 de maio de 2014

Se o Pior Acontecesse


PARTE I - SE OS POETAS MORRESSEM

Se os poetas morressem
O que seria do mundo?
Sem consolo e sem abrigo;
Um planeta perdido
Que vai rumo ao nada...
O mais extremo nada que existe (ou melhor, se não é nada, é inexistente).

Se os poetas morressem
O que seria da arte?
A arte escrita serve de alívio...
Alívio para as mentes perambulantes
Das cavernas e das tocas desiluminadas.

Se os poetas morressem
O que seria do amor?
O maior sentimento que existe,
Sem os poetas, viraria dor.
A dor extremamente triste.

Se os poetas morressem
O que seria do humano?
Inútil e profano
Que blasfema contra a poesia,
Mas quando entristece,
Busca abrigo nos poetas...

Se os poetas morressem
O que seria da paz?
Haveriam guerras e mais guerras
Sem meio e sem finais.

Se os poetas morressem
O que seria dos sonhos?
O poeta que maquia o mundo
E mostra-o diferente.
Outrora, limpa a face suja e corrupta do planeta
E escancara, para todos, a verdade.

Se o mundo é difícil com os poetas,
Imagine sem eles.
......................................................................................

PARTE II - SE A POESIA ACABASSE

Se a poesia acabasse
O que seria da arte?
Sem modo de se expressar, o homem sofreria
E em apenas um segundo,
O mundo também acabaria.

Se a poesia acabasse
O que seria da música?
Sem pensar
Não há conclusão,
E sem conclusão
Não há um bom resultado.

Se a poesia acabasse
O que seria da filosofia?
Pobre e inútil, creio eu,
Pois os filósofos nada ensinariam
Se não tivessem
O que ensinar.

Se a poesia acabasse
O que seria da vida?
Um dia sem poesia
Equivale a uma vida sem respirar.

Se a poesia acabasse
O que seria do ser vivo?
Sem palavras necessárias,
Não existe vida...
O ser vivo não é ser, se não tiver células.

Se a poesia acabasse
O que seria do trabalhador?
Que chega cansado em casa,
E quando descansa,
Fica feliz.
Pode-se chamar poesia de felicidade,
Sensibilidade
e amor.

Se o mundo é difícil com a poesia,
Imagine sem ela.
......................................................................................

PARTE III - CASAMENTO

A poesia precisa do poeta
O poeta, toma-a como amante
E em versos errantes
Derrama seus sentimentos:
Dores, alegrias e lamentos.

A poesia sente necessidade em se passar,
Se mostrar a todos.
É como uma religião,
Só que a liberdade e sinceridade, é completa.

A poesia não é construída
De ilustres teorias...
É apenas prática.
A poesia é a arte simpática
Que sempre convence,
Mesmo quem não gosta,
A admirar a coragem de poetizar
Transmitida pelo pastor...
Pelo guardador de rebanhos.

Simon-Poeta - homenagem a Alexandre Pedro

Chuva da Janela

A chuva é fria
E cai como uma luva
em meu corpo quente
A alma é presente
Ausente é vida...

A chuva me esfria
E a luva me calça
O meu corpo quente
Faz com que a alma seja causa
De tudo
E todo o mundo
Está contra mim.

A alma é fria
A chuva cai dentro da luva
A alma é quente
E meu copo é a causa
De tanto pavor
O mundo está contra mim
Pois a ti declarei meu amor.

O copo está frio
A chuva está quente
Um choque térmico está presente
Quando estou com pavor
E todo o mundo
Está contra o frio
Pois o frio está a favor
Do amor.

Estava chovendo
Quando fui encontrá-la
Parei em sua calçada
E pus-me a gritar
A sua vingança
Foi me molhar
Meu corpo quente
Se estremeceu
E frio ficou
Pois a água
Estava gelada
E gelou também o corpo meu.

Essa mulher
Já me fez tanto bem
E hoje me agride
Como quem não decide
Se quer ficar com alguém
Que seja comigo
Meu bem, eu consigo
Cuidar de você
E das crianças também.

Hoje lamento
E escrevo em versos
O meu desalento
O meus préstimos
A minha agonia
Não teve início
E não terá fim
Como não tem um vício.

O papel recebe
A minha oração
Que descreve
Tudo que passa em meu coração
Em uma só trova
Consigo provar
Como ela não prova
Que sou feito pra amá-la:

"Por uma mulher já chorei
Por esta mulher já morri
Pela mesma mulher hei de viver
o dobro ou mais do que já vivi."

Correndo atrás do amor
E vendo-a na janela
Choro por ela
Mas receoso volto atrás
Com medo de sofrer
Um colapso
Ou algo mais...

Simon-Poeta

Onde vamos parar???


sexta-feira, 23 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


quero tocar seu corpo nu

abraçar suas dores
acalentar seus sonhos
dormir envolvida nos seus braços
tirar a sua roupa
esquecer todo o mundo
e te amar
como dois animais no cio
sentindo todo o tesão
deixando nossos corpos
extasiados
jogados na cama
depois de muito
sexo
amor
tesão e prazer...

Sônia PC

Sonhadora Apaixonada



anoitece
e como todas as noites
me deito e fico a pensar em ti
lembrando de nossos beijos
imaginando seu corpo colado ao meu
sentindo seu calor e seu toque
anoitece
e me pergunto
o que estará fazendo
aí me vem a lembrança
dos nossos suores
onde nos amamos com tanta intensidade
onde não podemos perder tempo
arrancamos nossas roupas
e mergulhamos no mais puro prazer
anoitece
e não consigo dormir
porque sinto sua respiração
ofegante no meu pescoço
invadindo minha alma
me levando ao mais puro tesão
a loucura toma conta do meu ser
meu corpo todo se estremece em suas mãos
perco o juízo
e sinto tudo de mais belo e sexy que existe entre nós
anoitece
e não quero que o dia venha
só para ter a sensação
de mais uma vez
poder estar nos seus braços...

Sônia PC

sábado, 17 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


amo você 
você me faz bem
você me deixa à vontade
você me abraça 
meu mundo para
você me beija
eu perco o chão
você me ama
e eu perco o juízo
amo seu toque
o jeito que me olha
seu sorriso é perfeito
suas mãos no meu corpo
me levam à loucura
nossa loucura é demais
quando nos amamos
tudo é mágico
nossos corações
acelerados ao mesmo tempo
nossos corpos colados
como se fosse um só
nossos sonhos
nossas fantasias
nosso tesão
nosso desejo
tudo junto e misturado
a mistura perfeita do amor...

Sônia PC

Solidão

Chamo, oh solidão pela
tua fria noite,
pelo acorde de tua
desilusão.

Chamo pelo frio de
teus caminhos vazios,
pelos cheiros de necrochorume
pela manhã.

Chamo pela terra molhada
e pelas placas, ossos,
escárnios, cruzes e
caixões...

Clamo pelo teu corpo feio
e pelo teu coração que já
não mais pulsa compassado
por ilusão.

Clamo pelas sombras
que são hoje tua alma;
Clamo pelos vermes do
teu tumulo.

Clamo pelo epitáfio que
jaz sobre tua cova, pelas
rosas que perfumam tua
decomposição, oh solidão!

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada



se você ama alguém 
lute por ele
se você está feliz
fique ao lado
não importa
o que vão dizer ou pensar
apenas siga seu coração
se você tem amor
dê amor
faça o que é certo
siga seu coração
faça amor
sinta tesão
tenha prazer
mate sua sede
mate seu desejo
seja feliz
estamos nessa vida de passagem
então...
curta o tempo que você tem ao lado de quem te faz feliz...

Sônia PC

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


vou abrir a porta e deixar você entrar

vou abrir meu coração para que você tenha todo acesso a ele
vou tirar a minha roupa para que você veja como sou
vou esperar pela sua atitude de me abraçar
vou desejar sua boca na minha 
vou arrancar a sua roupa
vou agarrar o seu corpo
vou beijar cada pedacinho dele
vamos nos envolver num abraço
vamos parar na cama
vamos nos amar
sedentos de desejo
um tesão alucinante
nosso quarto
nossa cama
nada faz sentido
mas tudo é mais que perfeito...


Sônia PC

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Aquela cidade

Imagem de minha autoria de Mogi Mirim/SP

Aquela cidade bonita e encantadora
Que na paz mais linda me encantou
Faz-me homenagear quem me laçou
Levando o meu pensamento agora

Fantástico lugar em que a tolerância
Predomina de uma forma significante
Prendendo-me de maneira gratificante
Alegrando gentilmente minha diligência

Eis um lugar que conquistou meu falar
Fazendo-me feliz em seu nome tocar
Toda a minha ansiedade acalmando

O lindo paraíso que eu escolhi crescer
Fazendo meu espírito e alma florescer
E mais amor em mim, vai espalhando

terça-feira, 13 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


como posso te esquecer
como posso não pensar em você
como posso te deixar
como posso esquecer nosso amor
nosso sexo gostoso
nosso tesão doido
suas mãos agarrando meu corpo
sua língua me deixando doida
com seu sobe e desce pelo meu corpo
seu corpo atracado ao meu
no vai e vem alucinante
me envolvendo
me amando feito louco
me fazendo chegar ao clímax
então enlouquecemos juntos
chegamos ao clímax juntos
deliramos
nossos batimentos cardíacos acelerados
uma explosão de prazer
onde depois de tudo isso
nos abraçamos
nos beijamos
e ficamos ali agarradinhos
como se fôssemos um só
enquanto nossos corações se acalmam
e recomeçamos tudo novamente...

Sônia PC

domingo, 11 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


essa vontade que me invade a alma
esse tesão louco que sinto por você
o amor alucinante que me embala até seu corpo
suas mãos que deslizam pela minha pele sensível ao seu toque
sua boca que corrompe cada pedaço de mim
sua língua que me deixa louca para ser possuída
onde vamos parar com isso?
o que estamos fazendo?
não existe uma resposta concreta para isso
ou melhor, existe
e se chama 
amor
não um amor comum
não um amor falso
não um amor normal
é uma pequena mistura de tudo isso ao contrário
um amor incomum
um amor verdadeiro
um amor anormal
mas como nada é perfeito...
Sônia PC

Amor Materno


Entrelaçado em amor
Amei pela primeira vez...
Quando ela me olhou
Mias humano me tornei.

Se tudo que eu imaginasse
Se tornasse tão lindo assim
Como o seu olhar fixo em mim
Não seria necessário
Levantar outra prece.

Se o que eu sempre esperava
Encontrei em um segundo
Trouxe-me cheio de amparo
Ao desamparável mundo.

Uma química tão linda
Um amor tão contagiante
Por essa razão, naquele instante
Pela primeira vez amei a mulher da minha vida.

Não se encontra outra assim
Nem se encontrará com tanto vapor
Aquela que fez sacrifícios por mim
E pelo que sentia: amor.

Seu colo que vem relembrar
Aquilo que queria imaginar
E meus sonhos infantis
Foram embalados
E fortalecidos na raiz
Por alguém que permanecera ao meu lado.

Mãe sempre existiu
E sempre existirá
Não importa se não está mais aqui
Mesmo assim, sozinhos não vamos ficar.

Tem gente que tem duas mães,
Tem gente que tem uma só,
Alguns, já têm a Mãe Natureza
Que acalanta a todos que estão ao redor.

Um amor assim, nunca vi,
Não estou esperançoso em encontrar
Único e inigualável assim
Só a mãe, sabe dar.

Simon-Poeta em homenagem a todas as mães.

Ouça a música do meu maior ídolo que se encaixa perfeitamente ao tema: Lady Laura


FELIZ DIA DAS MÃES!

sábado, 10 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada



quero ser tua
quero ser possuída
quero ser amada
quero ser desvendada
quero ser cobiçada
quero ser desejada
quero seu corpo nu sobre o meu
quero nossas curvas unidas em uma só
quero sentir o prazer de estar com você
quero sentir esse tesão que só nós dois sentimos
quero ser vasculhada
quero minha alma presa á sua
quero me lambuzar no seu mel
quero delirar nesse amor louco e insano
quero você hoje e sempre
quero me acabar nesse sexo
misturado com desejos
amor e tesão
uma mistura que só nós conhecemos e sentimos...

Sônia PC

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


vou me guiar pela lua

vou observar as estrelas
vou fantasiar sonhos
imaginar você
nós dois
nossos sentimentos
nosso amor
vou imaginar você na minha cama
seu jeito sexy de ser
de me pegar
encostar na parede e arrancar suspiros
arrancar minha roupa
me possuir como um lobo faminto
apertar o meu corpo
sussurrando no ouvido
me fazendo delirar
vasculhando cada pedaço do meu corpo
uma mistura louca de paixão
desejo
sexo 
e tesão
e assim vou viajar na minha imaginação
e esperar pela concretização do real...

Sônia PC

Os Comedores de Batata


Corta o mato
Cria lugar para o gado
Chega em casa
Não encontra nada
Para beber ou comer...

Volta, já à tarde
Lá, encontra batatas;
Fica feliz por isso
E volta para casa mais cedo
Para dividir o alimento
Com todos que ali vivem.

Filha, mãe, pai e esposa...
Todos o esperam na porta
Já cansado pelo difícil dia
Diz à mulher:
"Toma essas batas, coze-as 
E alimente toda nossa família."

Coitada da esposa...
Tem que ser milagreira.
Na lareira pega a brasa
E aproveita o tempo que gastaria acendendo a lenha do fogão.

Com todo amor, prepara uma deliciosa e farta refeição
Com míseras batatas.
Todos se deliciam e aproveitam o jantar...
Já é noite, e a lamparina, logo acima da mesa, está acesa.

A pobre avó, serve-os o chá.

Pouco se sabe sobre a vida dessa família,
Mas o que se pode garantir é a união e naturalidade das coisas.
Isso, se vê através de Van Gogh,
Que das pinceladas,
Deu vida à essa família de camponeses simples e trabalhadores.

Todos famintos...
Quase não jantavam.
Mas, de um raro dia
Foi tirada uma fotografia
(Não moderna - pintura)
Da vida dessa pobre família.

Dormem felizes e de barriga saciada
As batas enganam a fome,
Enquanto o chá dá rasteiras no frio.

Simon-Poeta

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Nova história

Meu poema solidão,
foi tu que escreveste
meu poema solidão
foi tu que concebeste,
o fim desta paixão
a velha cigana já previra,
o inicio de uma nova ilusão
acho que o destino não imaginara,
este amor entre nós
nossa mente criara.
Nossa história de amor,
começa a ser escrita agora.

terça-feira, 6 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


vou fechar os meus olhos
vou vou viajar em pensamentos distantes
vou sentir o seu cheiro
vou sentir o seu sabor
vou me lembrar de nossos dias
do nosso amor gostoso
do seu beijo envolvente
da sua pegada deliciosa
das suas mãos queimando minha pele
sua boca sugando meu mel
me fazendo delirar de prazer
vou me lembrar do seu sexo
invadindo minhas entranhas
dilacerando minha alma e meu corpo
nossos fetiches
nossas fantasias
nosso tesão
tudo o que já foi um dia
tudo o que sentimos um dia
talvez hoje não mais
mas as marcas estão comigo
na minha alma
no meu coração
no meu corpo
cada vez mais sedento
cada vez mais saudoso
de tudo o q fizemos e
que ainda quero fazer...

Sônia PC

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


o teu amor é lindo

o teu sorriso um encanto
o teu beijo um deliro
o teu toque um calor
o seu corpo um fogo
eu me embriago em tudo que lhe pertence
você se perde em cada pedaço do meu corpo
nós dois juntos sabemos todas as direções
nossos corpos suados e colados
nossas bocas unidas em uma só
um calor
um frenesi
um tesão louco
um desejo alucinante
eu e você
nossa cama desarrumada
nossas roupas espalhadas pelo chão
nossos corpos jogados depois de um amor delicioso
nada mais importa
ninguém mais importa
a não ser nós mesmos
nada faz sentido sem você
nosso amor é fascinante
nosso tesão embriagante
e nosso desejo...
este, infinito...

Sônia PC

Há tempo


sábado, 3 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada


seu corpo à luz do sol
é uma das maravilhas mais lindas
seu sorriso ao me ver
me encanta
seu beijo
em contato com minha pele
faz meu corpo estremecer
seu toque no meu corpo
acende um fogo difícil de apagar
sua língua quente
em partes do meu corpo
me leva ao delírio
você me enlouquece ao simples toque
com seu olhar você me diz em silêncio
tudo que preciso ouvir
o seu tesão arde no meu corpo nu
envolve minha alma
como uma chama incandescente
deixando meu corpo à sua disposição
me fazendo tremer de tesão e desejo
nessa loucura perdemos para juízo
perdemos quem somos
esquecemos de onde estamos
para nos encontrar onde queremos
um nos braços do outro...

Sônia PC

quinta-feira, 1 de maio de 2014

Sonhadora Apaixonada



vou abrir meu coração
vou deixar os sentimentos fluir
vou deixar o desejo tomar conta de mim
vou deixar o tesão se apoderar do meu corpo
vou me permitir viajar nesse toque
vou me soltar de todas as amarras
vou deixar que o coração fale mais alto
vou abrir mão dos pudores
só para ter um instante com você
só para sentir o seu cheiro novamente
para sentir seu calor
sentir o seu corpo colado no meu
sentir nosso carinho
vou esquecer o passado
e pensar no presente
e fazer com que possamos sentir tudo isso novamente
eu e você, uma mistura explosiva
e também uma mistura mágica e deliciosa
onde sentimentos
desejos e tesão tomam conta de nós
onde não existe o certo nem o errado
apenas o nosso momento
apenas eu e o você
apenas nós...

Sônia PC