quinta-feira, 10 de abril de 2014

Memória Persistente


Memória...
Memórias ficam
Memórias vão
Entre pensamentos e vivências
A convivência é algo, que então
Persiste na utopia
Da memória que então viria
A festejar outrora
A aurora ao fim do dia.

Memória...
Memórias cantam
Memórias pulam
Persistem que sabem
E continuam sem saber
Não há de me entender
Pois sou um memorial vivo:
Um ser humano normal.

Memória...
Aquela que persiste e bate no cuco
Com o seu tic-tac maluco
Vem nos atordoar
Memória vem para ficar
Memórias são o que tu és.

Memória...
Que sobrevive e ultrapassa nossa história
Mesmo livre, sempre a mesma coisa se torna;
Memória viva...
Memória vã.

Memória...
Persistes em ficar por meus anseios
E bailar pelos meus passos
Memórias, os teus laços tão derradeiros
Se fazem de aconchego pra quem quer no tempo parar.

Memórias vivem em mim
E em mim irão continuar
A não ser que eu me esqueça
De que um dia esqueci
Que vivi várias memórias
Todas elas, foram aqui.

Simon-Poeta

Sua Opinião:

0 comentários:

Enviar um comentário