quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

É Nossa... Alma é Nossa...

A tua alma me traz a calma...
Ah! A tua alma...
Há a tua alma.
Há em tua alma uma imensa calma.

Por todo dia me amas,
Por todo dia, me amas?
Pôr todo dia um beijo,
Num lugar onde habita o desejo.

Se toda noite por mim clama,
Toda noite, clama por mim...
Por mim clama.

Todo dia lembra-te de mim,
E assim,
Faz-me eternamente seu...
(Eterna mente sua),
Nossa mente mente para nós mesmos...
Nos ilude... comente,
Na verdade nossa mente é confusa.

Onde há saudade há amor...
Onde há saudade ao amor?
Como amar?
Como sonhar?

Como comer,
Como beber,
Como viver
Como cantar.

Simon-Poeta

Sua Opinião:

1 comentários:

Ah, Simon, como? como?
Gostei muito destes versos!
Parabéns :)

Enviar um comentário