sábado, 7 de dezembro de 2013

Nossa Primeira Noite...

Quando vi, você nua, em minha frente,
Gélida e parda, pois o frio te aguardava,
Em meio nossas mentes,
Que mentiam e ainda mentem.

Todo dia, depois daquela noite,
Pensei em ti, desesperadamente,
Pois as nossas mentes
Que mentiam, ainda mentem.

Depois disso, não gostou de mim mais,
Disse que apenas a primeira noite te satisfaz,
Me abandonou, indo embora, e não voltando mais.

Quero então novamente lhe encontrar,
Para perto da tua boca poder falar:
"Toda vez que eu for te amar, será a nossa primeira noite." E isso bastará.

Simon-Poeta

Sua Opinião:

2 comentários:

Eu adorei conhecer seu espaço é lindo.

Obrigado Nelma... beijinhos de poesia! :)

Enviar um comentário