domingo, 10 de novembro de 2013

Declaração amorosa

Não sei como declarar esse amor,
tento até esconder, para que estragar as amizades,
para que procurar na paz o que me faz
e vai me doer.

Mas não a modos de ocultar, se a observar sozinha, 
ei de tentar beijar-te, posso até te ofender,
não quero ser eu exagerado, mas não posso responder
pelas loucuras do amor. 

Sinto ser perdiz tímido e enlouquecido, posso dizer 
que na amizade encontro castigo, fica mais difícil 
de confessar um amor. 

Vejo que chega a hora, não posso mais esconder, 
nunca fui bom em ocultar amores, falo agora 
pois tenho medo de perder-te.

Sua Opinião:

0 comentários:

Enviar um comentário